Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Política social, política de esquerdas


Ajudas ao transporte para o estudantado de Chantada

Esta é umha velha vindicaçom de Galiza Nova em Chantada que, felizmente, vai botar a andar como recentemente anunciou o Tenente de alcaide, Ildefonso Pinheiro, na cadena local Tele Vinte. Aguardamos que seja um primeiro passo e que quando a situaçom orçamentar o permita se inzem as quantias:

A continuaço reproduzimos parte do acordo da cámara municipal ao respeito para que os interessados podam solicitar as ajudas:

A cámara municipal de Chantada, por acordo da Junta de Governo Local do i6/11/2009 aprovou as seguintes bases para a convocatória pública de subvençons para ajuda ao transporte para o estudantado:

“BASES DA CONVOCATÓRIA DE SUBVENÇONS PARA AJUDA AO TRANSPORTE A ESTUDANTES.

1.- OBJECTO. A Cámara municipal de Chantada quere convocar umha linha de ajudas ao transporte, destinada a aquelas vizinhas e vizinhos que cursan, fora do termo municipal e em centros de ensinança sustentados com fundos públicos, algum dos seguintes estudos:

- CICLO MEIO DE FORMAÇOM PROFESSIONAL - CICLO SUPERIOR DE FORMAÇOM PROFESSIONAL

- Estudos universitários ou de regime especial. - Outros estudos nom impartidos em centros oficiais do termo municipal.

En conseqüência, quedam fora da linha de ajudas os estudios de Educaçom Infantil, Primria, Secundária Obrigatória e Bachalerato, por existir na actualidade centros públicos dentro do termo municipal que impartem os devanditos cursos.

2.- FINALIDADE. A finalidade desta convocatória é sufragar parcialmente o custe de traslado do estudantado que cursem algum dos estudos assinalados na anterior base.

3.- ORÇAMENTO. A Cámara municipal de Chantada dispom das seguintes quontias orçamentares para destinar a esta convocatória:

Partida.- 313.481.00: 12.000 €. Importe das achegas. A conceder: as achegas a conceder, como máximo, ascenderám a um importe único de 150,00 € por beneficiário e curso escolar

4.- DESTINATÁRIOS. Poderám optar a estas subvençom as pessoas censadas na Cámara municipal de Chantada que cursem fora do termo municipal algum dos estudos indicados na base primeira durante os cursos 2009/2010.

Non poderám optar a estas subvençons as pessoas e entidades às que se refirem os artigos 13.2 e 13.3 da Lei 38/2003 de 17 de Novembro, Geral de Subvençons.

As solicitantes nom poderám ter pendente de justificaçom nengumha ajuda anterior da Cámara municipal, a nom ser que lhes fora concedida umha prórroga.

5.- LUGAR E PRAZO DE APRESENTAÇOM DE SOLICITUDES.

5.1.- Lugar de apresentaçom. As solicitudes deverám apresentar-se no registo geral da Cámara Municipal, ou...




Jantar na Casa


A Cámara Municipal de Chantada já tem aberto o prazo de inscripçom no programa Xantar na Casa, um novo serviço pensado para pessoas maiores de 60 anos que tenham algum grao de dependência. Os beneficiários receberám nas suas moradas comidas supervisadas por expertos em nutriçom, que terám em conta as suas necessidades persoais.
O tenente de alcaide, Ildelfonso Pinheiro, explicou que este programa está pensado para proporcionar aos beneficiários «umha alimentaçom de qualidade e nutritiva», mas nom só, já que tamém é um objectivo prioritário «evitar situaçons de risco que se podam produzir no processo de elaboraçom da comida, facilitar um respiro às famílias e coidadores e contribui para a conciliaçom da vida laboral e familiar das mulheres», que som as que, infelizmente, seguem suportando as maiores cargas de trabalho no fogar.
Para acolher-se a este programa é mester contar com mais de 60 anos, estar empadroado em Chantada e viver neste concelho, e ter algumha limitaçom na sua autonomia persoal e carecer de apoio familiar ou estar em situaçom de exclussom social. No tocante ao custo do serviço, será de dous euros por pessoa e dia, assumindo o restante custo do serviço o Concelho de Chantada e o Consórcio de Serviços de Bem-estar, em menor medida ao recortar as ajudas que se concediam para Chantada desde o anterior Governo da Junta da Galiza.